InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seLogin


Bienvenue à Académie Artistique de Monaco. Imagine-se realizando o maior sonho de sua vida, estudando artes numa das Academias mais conceituadas do planeta. A Academia Artística de Monaco lhe oferece os melhores cursos, com os melhores professores e ainda coloca à sua disposição os materiais mais modernos. Torne-se um músico, um pintor, um dançarino, um escritor ou um ator e deixe seus sentimentos e emoções fluirem através de sua arte. Bienvenue à l'Académie d'Art Monaco.



//REGRAS GERAIS
//GUIA DO PRINCIPIANTE
//A TRAMA
//MATRÍCULAS
//AVATARES



•Estamos em 1985. Dia 8 de Setembro, um Sábado de uma noite estrelada, céu sem nuvens e a lua cheia e iluminada. Hoje é o dia onde os alunos estão ansiosos para irem ao tão esperado Baile de Mascaras, onde estará ocorrendo no magnífico e decorado Salão de Festas. As temperaturas continuam amenas, mas um vento frio dá a sensação de um inverno gélido.



















Para tornar-se parceiro do AAM, logue na conta TeamPlay com a senha tp1234 e deixe uma MP para Soleil com as informações do seu RPG.

theSTARTINGline London Paradise name Evolution RPG Imperius RPG Marauders Orbis Non Sufficit



Todo o conteúdo do Fórum foi criado pela a Equipe. Gráficos criados por Monaco. Imagens retiradas de DeviantART, Google, Photobucket. Brushes retirados de Brusheezy! Agradecimentos ao Photobucket, hospedeiro de todas as imagens do fórum.


Compartilhe | 
 

 Boas - Vindas

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
Nathaniel B. Flint
Literatura - 2º ano


Player : Bah
Mensagens : 13
Data de inscrição : 13/07/2009

MensagemAssunto: Re: Boas - Vindas   Dom Ago 16, 2009 6:04 pm

Nathaniel Blackbird Flint
1º de Setembro de 1985
~> Dominique Messerschmidt

Deixou a outra balbuciando lá e, pegando sua caneta e bloco de comunicação com o "mundo exterior", desceu as escadas, até se deparar com aquela figura sentada ali, imóvel. A encarou de canto, ah que ótimo, a cara da figura dizia tudo.

Se arrastou a passos lentos até Dominique, a observando calmamente. Não que tivesse o feitio de fazer coisas do gênero, como o que estava prestes a fazer, mas sabia muitissimo bem o que era ser deixado no mais perfeito vácuo social.

Não que também esperasse alguma coisa, nem gratidão nem nada, mas aprendera a ser cortês e ela ficar ali sentada, olhando com cara de paisagem pra vida passando, não ia adiantar muito de nada, certo?

Parou na frente da garota sentada e de forma educada, estendeu-lhe a mão para que se levantasse, a encarando nos olhos. Provavelmente, sabia que seria préviamente ignorado ou coisa do gênero, claro, como 99,9% dos habitantes daqueles lugar possuíam cordas vocais ao contrário de si, Nathaniel não era exatamente a primeira opção para amizade de ninguém.

E não que se esforçasse por mercê-las, também.
Não escreveu no papel que era mudo ou sequer fez menção a isso, apenas ficou ali, parado na frente da aspiranta á atriz, com a mão estendida para que se levantasse.
Se ela quisesse, podia até fazer algum esforço e acompanhá-la para fora, coisa do gênero, uma coisa que se podia dizer da senhora sua mãe, é que o ensinara muito bem, os bons modos.


Spoiler:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dominique Messerschimdt
Teatro - 2º ano


Player : Aleh
Mensagens : 28
Data de inscrição : 06/07/2009

MensagemAssunto: Re: Boas - Vindas   Ter Ago 18, 2009 12:04 am

1º de setembro de 1985
Noite;Auditório; {1} {2}
x Dominique x x Nathaniel Blackbird Flint x





Olhava para as pessoas entrando e saindo, e, misteriosamente, parecia que os alunos estavam se multiplicando pois não havia nenhuma menção do auditório ficar menos despovoado, o que, me deixava irritada, pois o que eu mais queria era sair dali o mais rápido possível. Sabia que devia ser um pouco mais sociável, mas eu teria tempo. Somente não agora.

Já estava impaciente, de tanto esperar, e olhando as pessoas com suas amizades, totalmente desconcentradas, e sendo como eu mesma queria ser: não queria ter um fardo passado barrando tudo que eu estava prestes a fazer, não queria ter algo que me prendia em qualquer coisa que eu fizesse, eu apenas queria ser eu mesma, como era antes, e tentar aproveitar essa parte da minha vida que sabia que não iria voltar, porém, de algum modo, por mais que eu soubesse que o que estava fazendo só traria coisas ruins para mim mesma, de algum modo eu estava presa naquela armadilha mental, e, não tinha a menor idéia de como poderia sair dali


Ainda continuava pensando nisso, quando algo interrompeu meu centro de visão. Por alguns segundos, por estar tão absorta em meus pensamentos, não notei que era alguém a minha frente, só quando eu vi uma mão estendida, que meu cérebro reconheceu um rapaz parado, estendendo a mão, e me encarando nos olhos. Meu raciocínio foi pego de surpresa, parte por estar pensando em outras coisas que não fosse o Instituto, parte por ter alguém falando comigo.

Demorei alguns instantes para pegar sua mão, enquanto arqueava uma
sobrancelha. Ele não falara nada, apenas havia deixado a mão estendida,
e, eu, a peguei, me levantando.

-Muito obrigada...- falei, enquanto ele permanecia calado, poucos segundos depois tornei a falar, enquanto nos movíamos.- Messerschimdt, Dominique
Messerschimdt
- disse, enquanto me apresentava a ele. Esperava uma apresentação recíproca, e foi quanto eu notei:

-Oh! Mil desculpas!Eu não tinha notado...- falei, corando de vergonha, enquanto prestava atenção que ele não havia falado ainda comigo simplesmente porque ele não podia falar. E, como se não pudesse ser ainda mais desastroso esse primeiro dia, lembrei, naquele momento, que eu havia combinado de jantar com meus pais. E já estava assustadoramente atrasada para aquele que seria um encontro totalmente emocianado, já que eles estariam voltando para a Irlanda, enquanto aqui eu ficaria.-Ai não...- murmurei--Eu tenho que ir...já estou altamente atrasada para ir jantar com meus pais e...oh, desculpas, de novo- ok, aquilo estava começando a ficar patético.- A gente...a gente se vê!- falei, enquanto saia apressadamente.


Última edição por Dominique Messerschimdt em Qui Ago 20, 2009 2:09 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Liv Woods
Literatura - 1º ano


Player : Mari
Mensagens : 11
Data de inscrição : 15/08/2009

MensagemAssunto: Re: Boas - Vindas   Ter Ago 18, 2009 1:19 am

1º de setembro de 1985

A bolsa de viagem de uma mulher que iria ficar sentada ao lado de Liv pelas próximas quatro horas ou talvez mais, tocou a fezendo-a acordar de seu pequeno sonho. Ela estava anciosa e normalmente preferia dormir ou escrever pois assim o tempo passava mais rapidamente, mas achava meio desconfortável escrever dentro de um avião, em pleno vôo, por isso tinha decidido dormir.
Em sem pequeno sonho tinha visto a Academia de Monaco, o lugar no qual iria chegar em algumas horas.. É claro, teria que se acostumar com o Fuso-horário mas para ela isso era o de menos, o melhor era saber quando saisse de lá, teria um futuro brilhante.
Após pensar sobre seu sonho decidiu tentar dormir mais um pouco.
(...) Na hora do pouso a aeromoça a acordou. Liv ficava cada vez mais anciosa a medida que o tempo passava.
Saiu do Aeroporto para pegar um táxi em destino à Academia.
O Avião tinha demorado mais do que o previsto então pediu ao motorista para ir o mais rápido possível em frânces, já que tinha-o estudado no colégio não era tão defícil dizer algo simples.
Quando o motorista parou em frente a AAM ela ficou deslumbrada e percebeu que esse ano séria um longo e divertido ano, só precisava fazer alguns amigos.. Também achou que seu irmão ficaria muito feliz por ela.
- Au revoir - disse ao motorista.
Ao sair do táxi sentiu a vontade de andar um pouco pelo campus, e assim fez...
Ao ver algumas pessoas reunidas, fez-a lembrar o discurso que o diretor iria fazer no auditório e pois-se a correr para lá, já que sabia aonde ficava por ter visto o mapa do AAM até decorar.
Ao chegar no auditório percebeu que tinha se atrasado um pouco, e sentou na primeira cadeira vaga que viu.
Ouviu o discurso atentamente mas não era nele que ela estava focada realmente, mas sim nas suas imaginações que rondavam a mente dela, sobre como seria esse ano letivo.
Após o término tentou sair do auditório o mais rapidamente possível, mas demorou um pouco por causa da pequena amontoação na porta.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Boas - Vindas   Hoje à(s) 3:15 pm

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Boas - Vindas
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2
 Tópicos similares
-
» Mensagem de Boas-Vindas!
» Dicas e Boas-Vindas aos Recém-Chegados
» Baile de Boas-Vindas
» Baile de Boas-Vindas (14/07)
» Bem, boas a todos!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Académie Artistique de Monaco :: Posts-
Ir para: